Secadores

Secador Spray

Secador Spray

Os secadores são equipamentos utilizados para obter produtos com muito baixo teor de umidade. A alimentação pode ser un líquido concentrado ou um sólido com alto teor de umidade, mas na saída será sempre um sólido seco com porcentagem de umidade final que irá depender de cada produto, mas que, geralmente, é inferior a 10 %.

A diversidade de secadores é muito ampla, sendo necessário determinar qual o tipo de equipamento adequado para cada produto a ser processado. Como exemplos, podemos citar os secadores spray e flash em todas as suas variantes, secadores rotativos, de feixe de tubos, leito vibrofluidizado, a esteiras, secador tipo túnel de bandejas.

Os secadores podem ser do tipo direto ou indireto, dependendo de que o meio de aquecimento entre em contato com ou não o produto. Neste sentido, o secador de feixe de tubos é de tipo indireto já que o vapor de aquecimento circula pelos tubos, sendo estes que estão em contato com o produto, de maneira que o meio de aquecimento nunca entra em contato com o mesmo.

No entanto, a maioria dos secadores são do tipo direto, utilizando ar como meio de aquecimento e receptor dá água evaporada no processo. Neste sentido, o sistema de aquecimento do ar pode ser também direto ou indireto conforme sejam ou não misturados os gases de combustão com o ar de secagem. Em certas indústrias, é muito comum o uso de geradores de ar quente de tipo indireto, como é o caso da industria de laticínios, que utiliza secadores spray e de leito vibrofluidizado.

Em alguns produtos, como a fibra resultante da moagem úmida de milho, deve se misturar o produto que sai do secador com a alimentação, com a finalidade de condicioná-lo para que entre com as vazões e umidade ótimos para o adequado funcionamento do equipamento. Este processo é denominado reciclo ou recirculação do produto, devendo se utilizar misturadores especialmente projetados para cada produto para homogeneizar adequadamente a mistura.

Em alguns casos, o produto original deve ser concentrado previamente em um evaporador antes de ser encaminhado ao secador. Isso é devido a que a concentração ocorre pelo uso de vapor, que termicamente rende muito mais do que o ar como meio de aquecimento. Além disso, a possibilidade de se utilizar um concentrador de múltiplos efeitos contribui ainda mais com a economia energética. Além disso, se o produto entrasse com a sua concentração originária ao secador, provavelmente o equipamento deveria ser muito grande, por causa de que deveria evaporar maior quantidade de água, fazendo com que o investimento seja maior.

Equipamentos Adicionais

Entre os equipamentos adicionais oferecidos pela nossa empresa, encontram-se:

Imagens

Secador FlashSecador FlashSecador FlashSecador FlashSecador SpraySecador SpraySecador SpraySecador SpraySecador SpraySecador SpraySecador Spray Secador Rotativo

Clique sobre a imagem para aumentar

Aplicações

Produtos Alimentícios

  • Extratos de café, malte e chá
  • Leite integral e desnatado
  • Soro de queijo e de manteiga em pó
  • Caseinatos
  • Derivados de Milho
    • Amido
    • Fibra ou glúten feed
    • Maltodextrinas
  • Açúcar e Álcool
    • secagem de vinhaça alcoólica
  • Caldo concentrado de carne
  • Água de cola de peixe
  • Fermentos
  • Frutas secas
  • Ovo integral, gema ou clara em pó
  • Sabores y essências encapsuladas
  • Sucos de fruta em pó

Produtos Químicos

  • Efluentes industriais
  • Uréia
  • Sais
  • Corantes
  • Sabões e detergentes
  • Herbicidas e inseticidas
  • Sais orgânicos e inorgânicos
  • Cerâmicos
  • Fertilizantes
  • Taninos

Produtos Farmacêuticos

Folhetos Secadores


Download arquivo em formato pdf

Vá Acima

Copyright © 2012-2018 Sei Contreras Ingeniería. All Rights Reserved.